Fale conosco pelo WhatsApp

Dia Mundial da Saúde: Procure um Otorrinolaringologista

Otorrinolaringologista examina ouvido de paciente
08abr, 2020

Celebrado anualmente em 7 de abril, o Dia Mundial da Saúde foi criado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) com o intuito de orientar a população no que diz respeito à prevenção de doenças. Esta é uma data em que são realizadas diversas campanhas que, entre outras coisas, destacam a importância de se consultar regularmente com especialistas de saúde — um cuidado que certamente inclui o otorrinolaringologista.

Embora a maioria das pessoas chegue ao otorrinolaringologista por indicação ou encaminhamento de um clínico geral, este especialista pode — e deve — ser incluído nos check-ups de saúde. Isso porque este profissional se responsabiliza justamente por diagnosticar e tratar os problemas relacionados ao ouvido, nariz, garganta e seios da face.

O que faz um otorrinolaringologista?

O otorrinolaringologista é um profissional formado em Medicina e que fez Residência Médica ou curso de especialização em otorrinolaringologia, dois caminhos que o tornam apto a identificar e cuidar de doenças que afetam a respiração, audição, deglutição e a voz. Além disso, o especialista se responsabiliza por tratar de alterações relacionadas ao equilíbrio (como labirintite) e ao sono.

Podem dizer, portanto, que este especialista está devidamente habilitado para tratar de gripes e resfriados, bem como amigdalites, sinusites e otites. Outras doenças e alterações que geralmente são cuidadas pelo otorrinolaringologista incluem:

  • Rinite;
  • Desvio de septo nasal;
  • Paralisia facial;
  • Alergias;
  • Congestão nasal;
  • Alterações nas pregas vocais;
  • Lesões na boca e/ou língua;
  • Faringite;
  • Perfuração de tímpano;
  • Distúrbios de deglutição;
  • Inflamações ou infecções que acometem ouvido, garganta, nariz ou seios faciais.

Quando procurar um otorrinolaringologista?

O paciente pode se consultar com o otorrinolaringologista sempre que sentir qualquer alteração ou desconforto relacionado a alguma das estruturas tratadas por esta especialidade. Dores de garganta e inflamações no ouvido são os sintomas mais comuns que levam uma pessoa ao consultório deste especialista, mas qualquer tipo de dificuldade auditiva, respiratória ou de deglutição pode justificar uma consulta.

Indivíduos que apresentam problemas relacionados ao sono — tais como ronco ou apneia —, ao equilíbrio ou até mesmo à voz também podem procurar o otorrinolaringologista para descobrir o que está acontecendo com sua saúde. A mesma recomendação vale para crianças: sempre que os pais desconfiarem de alguma alteração na fala, deglutição, audição ou respiração da criança, o ideal é que ela seja avaliada por um otorrino pediatra.

Alguns dos principais sintomas que podem indicar a necessidade de se consultar com um otorrinolaringologista são:

  • Dor de garganta;
  • Dificuldade para engolir;
  • Zumbido no ouvido;
  • Falta de ar ou dificuldade para respirar;
  • Sangramento nasal;
  • Tontura e/ou dificuldade para manter o equilíbrio;
  • Dificuldade para ouvir;
  • Má qualidade do sono;
  • Presença de nódulos na região do pescoço;
  • Dores no ouvido ou nariz;
  • Sensação de pressão na face.

Preciso ter sintomas para me consultar?

Não. Algumas doenças podem ser detectadas mesmo antes dos primeiros sintomas e a avaliação com otorrinolaringologista pode auxiliar na prevenção de desfechos piores ou na orientação em como conduzi-las.

Indivíduos que ficam expostos a sons altos, seja por trabalharem em ambiente ruidoso ou por uso incorreto de fones de ouvido com alto volume, devem se consultar regularmente com um otorrinolaringologista para acompanhar sua saúde auditiva. Um exame de audiometria é capaz de analisar a audição de cada ouvido, ajudando a identificar perdas auditivas de maneira precoce.

Outras doenças que podem ser prevenidas ou receber um tratamento precoce por meio das consultas regulares são as lesões pré cancerígenas de laringe, ou mesmo cânceres de boca e laringe em estágios iniciais. Especialmente os pacientes tabagistas devem ser consultados por um otorrinolaringologista nessas situações.

O acompanhamento especializado de um otorrinolaringologista, portanto,é essencial para garantir a saúde geral do indivíduo. Para saber mais sobre como prevenir doenças de ouvido, nariz, garganta e seios nasais e garantir qualidade de vida, agende uma consulta com um dos especialistas da Clínica Garrafa.

cta-820x140-garrafa-tratamento-para-desvio-de-septo

Fontes:

Clínica Otorrino Garrafa;

Ministério da Saúde.