Fale conosco pelo WhatsApp

Veja algumas dicas de como parar de roncar

Como parar de roncar: Mulher com insônia
05dez, 2019

Como parar de roncar? Milhares de pessoas já devem ter feito essa pergunta. Entretanto, diversos fatores influenciam na reversão do quadro. Logo, ter um diagnóstico do que causa o ronco antes de qualquer medida é de extrema importância.

Para saber se há como parar de roncar, primeiramente é necessário identificar se o ronco é uma situação ocasionada por fatores como o uso de medicamentos relaxantes, por exemplo, ou se ela é fruto de uma condição mais séria como a Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS).

Enquanto em casos leves, mudanças nos hábitos diários colaboram para a melhoria e em como parar de roncar, nos casos graves, é necessária uma atenção maior, já que a apneia do sono faz com que o paciente apresente paradas respiratórias durante as horas destinadas ao descanso.  

É importante evidenciar que não é possível prometer a um paciente que ele vai parar de roncar de uma hora para outra. É necessário acompanhamento contínuo junto a um otorrinolaringologista.

Veja algumas dicas elencadas pelo otorrinolaringologista Dr. Luiz Herculano da Silva Junior, especialista em Medicina do Sono da Clínica Garrafa sobre o tema e confira os tratamentos para ronco.

Como parar de roncar com mudanças de hábitos?

Pode parecer bobagem, mas os hábitos interferem diretamente na qualidade do sono, e por consequência, podem resultar em ronco.  A condição é originada pela vibração dos tecidos moles existentes na garganta quando ocorre a passagem de ar.

Essa passagem de ar ocorre de forma turbulenta devido a um relaxamento da musculatura e estreitamento da via aérea superior, logo, a junção desses fatores resulta no barulho do ronco. Várias situações, crônicas ou não, resultam nesse estreitamento. Veja as relacionadas aos hábitos a seguir:

  • Relaxamento natural da musculatura da garganta;
  • Relaxamento da musculatura devido ao uso de medicamentos;
  • Obesidade;
  • Ingestão de bebida alcoólica ou estimulante em excesso;
  • Tabagismo;
  • Alimentação muito próxima da hora de dormir.

Neste caso, respondendo ao questionamento sobre como parar de roncar com mudanças de hábito, basta evitar algumas das situações acima mencionadas.

É necessário cuidado com o peso, tentando se manter em um patamar ideal, parar de fumar, diminuir a ingestão de bebidas estimulantes, em especial, próximo ao horário de dormir e etc.

A rotina, quanto menos estressante e mais saudável, colabora em todo o processo de como parar de roncar

O que fazer para parar de roncar em casos mais severos?

Em situações crônicas e que colaboram para o desenvolvimento da Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS), a forma de como parar de roncar é um pouco mais complexa, uma vez que pode vir a ser necessário uso de aparelhos específicos para o tratamento da condição ou realização de procedimentos cirúrgicos.

Algumas das situações denominadas como crônicas são:  

  • Adenoide em maior proporção;
  • Amígdalas em tamanho aumentado;
  • Língua volumosa;
  • Desvio de septo.

Para que o paciente tenha acesso a tratamentos específicos de como parar de roncar, é necessário que ele procure atendimento de um otorrinolaringologista especialista em medicina do sono. Esse profissional solicitará alguns exames e, após a análise minuciosa dos sintomas e demais relatos do paciente, será guiado o tratamento mais adequado.

No caso de condições crônicas como as acima mencionadas, pode vir a ser necessária intervenção cirúrgica de septoplastia, uvulopalatofaringoplastia, por exemplo. Outra possível alternativa que colabora nesse processo de parar de roncar é o uso de aparelho intra oral e/ou Cpap (sigla inglesa pressão positiva contínua nas vias aéreas), equipamento que ajuda no processo respiratório impedindo que o paciente pare de respirar durante o sono.

Como fazer para parar de roncar — dicas simples

Algumas iniciativas simples e feitas em casa colaboram em todo o processo de como parar de roncar. A realização de atividades físicas de forma habitual, pelo menos 30 minutos por dia, melhora muito a qualidade do sono, ajuda no controle do peso e pode ter um impacto positivo na redução do ronco.

Evitar dormir com o dorso para frente (de barriga para cima) e dar preferência por dormir de lado ajudam em como parar de roncar. Essas são dicas eficazes para quem ronca  — e quer parar —, cedidas por quem entende do assunto.

Fonte:

Ministério da Saúde;

Clínica de Otorrinolaringologia Garrafa;